Notícias

Cabo Frio elabora plano de ação para desenvolver ambiente empresarial no município

agntes-de-desenvolvimento-em-ação
Geral

Cabo Frio elabora plano de ação para desenvolver ambiente empresarial no município

Governo municipal aposta na integração das Secretarias para o desenvolvimento empreendedor 

A Prefeitura de Cabo Frio não tem medido esforços para fomentar políticas públicas favoráveis ao incentivo de micro e pequenas empresas na cidade. Para isso, busca na integração das secretarias e na parceria com o Sebrae/ RJ, desenvolver temáticas que impactam diretamente o ambiente de negócios. O governo municipal aderiu há alguns meses ao Comitê Gestor do Programa Cidade Empreendedora do Sebrae e participa de reuniões periódicas com o objetivo de criar e implantar políticas públicas para melhorar o ambiente empresarial no município. Inclusive está criando um plano de ação para beneficiar o micro e pequeno empreendedores.


No último encontro, que aconteceu na sexta-feira (6), na Casa do Empreendedor, foi feito o diagnóstico inicial do ambiente empreendedor da cidade, a Casa do Empreendedor, e um mapeamento do processo do fluxo de atendimentos, com a participação do secretário de Fazenda, Clésio Guimarães. A partir do diagnóstico realizado com o auxílio do Sebrae, a Prefeitura está elaborando um plano de ação para desenvolver todos os eixos propostos pela atividade, principalmente nas áreas de sustentabilidade, educação empreendedora, agricultura familiar, compras públicas e desburocratização, entre outras.

Desta maneira, os principais beneficiados com a participação de Cabo Frio no game serão os micro e pequeno empreendedores. Com a realização do diagnóstico e a estruturação do plano de ação, o município terá uma agenda própria para ser trabalhada ao longo do ano, e ficará responsável por levantar informações sobre os eixos temáticos do programa, tais como: acesso a crédito e serviços financeiros, compras governamentais, sala do empreendedor, governo eletrônico, desburocratização e alimentação escolar, entre outras.

Algumas das reuniões acontecem no Rio de Janeiro, quando os participantes analisam a situação atual do município, a partir do qual várias questões serão trabalhadas com apoio de consultores especialistas.

Neste programa, a Prefeitura está representada pelo secretário adjunto de Fazenda e coordenador do Comitê, Paulo César de Souza, que é responsável por fazer a ponte entre o poder público e as demandas da sociedade, auxiliando a gestão pública e as lideranças locais na melhoria do ambiente empresarial. Também fazem parte do Comitê representantes das Secretarias de Governo, Planejamento, Saúde, Meio Ambiente, Educação e Procuradoria, além de agentes de desenvolvimento, e equipe do Sebrae/RJ, que se reúnem para deliberar e aprovar as ações a serem implementadas na cidade.

“A ideia é que o programa estimule as empresas locais, desburocratize a formalização de novos negócios, aumente o nível de investimento privado na economia local e dinamize a produtividade do campo, mediante incentivo à agricultura familiar”, explicou Paulo César.

Para o prefeito Dr. Adriano Moreno, esse tipo de iniciativa contribui para fortalecer a atividade econômica do município. “Estamos avançando para que Cabo Frio tenha uma economia forte. Para isso, estamos trabalhando junto ao Sebrae, e seguimos cada vez mais motivados em ajudar o empreendedor cabo-friense”. 

Todas as informações, painéis e relatórios estão disponíveis em uma ferramenta virtual, aberta ao público para consulta (http://www.cidadesempreendedoras.com/).


Curso para Agentes de Desenvolvimento

Funcionários da Prefeitura concluíram no mês passado o Curso de ‘Agente de Desenvolvimento em Ação’, realizado no Sebrae. A capacitação durou dois dias e abordou temas como Empreendedorismo, Desenvolvimento Econômico, Compras Públicas, Desburocratização, MEI, Comunicação e Qualidade de vida. Ao todo, 16 pessoas participaram.

“O Agente de Desenvolvimento é uma peça fundamental no trabalho de implantação e operacionalização da Lei Geral das Microempresas. Sua função é promover ações concretas que fortaleçam o seguimento de micro e pequenas empresas, e sua existência é prevista na Lei Geral das Microempresas”, destacou Paulo César.

Comentários do Facebook
FECHAR ACESSIBILIDADE
escort maltepe escort pendik escort mersin porno izle porno seks hikayeleri mersin escort bayan escort bodrum escort mersin escort akdeniz escort altinkum escort kizkalesi escort mezitli escort pozcu escort silifke escort susanoglu universiteli escort mersin rus escort mersin sinirsiz escort mersin ucuz escort konya bayan escort malatya bayan escort mersin bayan escort